7 de fevereiro de 2016

Grêmio acerta em cheio com Miller Bolaños

Compartilhe nas redes sociais

O Grêmio oficializou neste domingo (07) a contratação do meia-atacante equatoriano Miller ''The Killer'' Bolaños. O jogador selecionável pela Seleção Equatoriana reforça o setor ofensivo e praticamente fecha o elenco gremista para a disputa da Copa Libertadores da América.

Miller é o quinto reforço gremista para a temporada 
Os vinte e cinco gols anotados na campanha para o título do Campeonato Equatoriano e a artilharia das Sul-Americanas de 2014 e 2015 são bons argumentos por si só, mas Miller é mais do que apenas um finalizador. Bolaños é um jogador versátil, com boa visão de jogo, ótima finalização e muito bom no enfrentamento contra os defensores adversários. Pode atuar em qualquer posição do ataque. No Emelec variava entre uma posição mais referencial (o que não tirava a movimentação, caracterizando um falso nove) e a ponta esquerda.

Posicionamento de Bolaños pelo Emelec contra o Internacional (LA15)
Na Copa América de 2015, onde foi titular nos três jogos do Equador, fez o papel de meia centralizado no 4-2-3-1 que Gustavo Quinteros utilizou. Ao lado de Fidel Martínez e Jefferson Montero, Miller jogou centralizado na linha de 3 meias anteriores ao atacante Enner Valencia. Na fase defensiva, como normalmente costuma acontecer com equipes que usam o 4-2-3-1 atualmente, Miller se juntava a Enner para pressionar a saída de bola e/ou fechar os espaços da melhor forma. Em três jogos, Bolaños fez dois gols e ainda proveu uma assistência. Ou seja, participou diretamente de três dos quatro gols da campanha do Equador.

Posicionamento de Bolaños com a Seleção Equatoriana

Com a diversidade de “posições”, Miller agregará muito ao conjunto de Roger, que normalmente muda seus jogadores ofensivos de posição no decorrer das partidas e tem a movimentação como base para a criação de jogadas. Com o início avassalador de Éverton, a lógica nos diz que Miller deve ocupar a vaga de Douglas no time titular. E isso deve tornar o Grêmio um time ainda mais móvel e criativo, além, é claro, de contar com mais um bom finalizador.

O valor pago (cerca de 5 milhões de dólares por 70% do passe) pode soar caro, mas quando se trata de um dos melhores jogadores do continente, até parece troco de bala. Miller é um jogador de lotar aeroporto, como os tradicionalistas diriam. Um jogador que definitivamente coloca o Grêmio entre os favoritos ao título da Libertadores da América.



@_nicolasmuller

Deixe um comentário

Todos os comentários postados são de responsabilidade de seus autores. É necessário estar logado no facebook para comentar.

 

Bem-vindo ao Linha Alta. Site com conteúdo futebolístico.

© Linha Alta 2016

Edited by Douglas Menezes